Área restrita
Home
Site in English
A Associação
Associados ABRETI
Cursos, Palestras e Eventos
Sala de Imprensa
Notícias
Serviços
Contato
Este canal da ABRETI serve como um centro de informações coletivas. Novidades resultantes de ações políticas e econômicas que afetam a atividade dos transportes internacionais, cases do setor e informações gerais estão relacionados em ordem cronológica. Consulte este canal sempre que precisar.
ABRETI | Mercado

Título: Economia - Movimentação comercial em Viracopos cresce 9% este ano
Fonte: Jornal Correio Popular - 04/11/2008
< Voltar

Volume de importações e exportações até setembro foi 39,47% maior que em 2007

No momento em que a crise mundial afeta os mercados financeiros e tem reflexo sobre o comércio exterior, o tema ganha espaço na 9ª edição do Simpósio e Feira de Comércio Exterior e Logística (Scala) 2008. De janeiro a setembro deste ano, a corrente de comércio (soma de importações e exportações) no Aeroporto Internacional de Viracopos, um dos principais equipamentos do setor de logística do País, cresceu 9,03%. No Brasil, o volume foi 39,47% maior do que no mesmo período de 2007. Traçar o cenário para o próximo ano deve nortear os debates no encontro. Executivos do setor e especialistas em logística acreditam que possa haver aumento das exportações e recuo das importações.

O organizador do evento, Luiz Antônio Guimarães, disse que os debates desta edição do Scala passarão pela crise econômica e a influência dela no próximo ano. “O cenário econômico mundial será diferente em 2009 em relação a este ano. Os americanos são grandes compradores e uma parada na economia dos Estados Unidos afetará o comércio mundial.

O diretor regional da Ceva Logística, Alexandre Antonelli, observou que até o momento o setor não sentiu impactos mais significativos da turbulência na economia. “As empresas estão mais cautelosas com o custo e os investimentos mais agressivos. Mas a expectativa é de manutenção do ritmo até o final deste ano”, disse. Porém, o executivo afirmou “que não dá para subestimar o que está por vir.” Antonelli lembrou que a economia sempre começou a “andar” a partir do mês de março. “O ritmo dos negócios sempre começava a aumentar a partir de março. Nos três últimos anos foi diferente e desde os primeiros dias do ano havia um movimento forte das atividades do setor. A expectativa é de que a crise provoque uma volta aos patamares anteriores em 2009”, disse.
O diretor de Logística da UTI, Omar de Souza Passos, afirmou que o mercado vinha em uma curva crescente impulsionado pela maior inserção do Brasil no mercado internacional e a queda do dólar que motivava uma alta das importações. “Nós começamos a sofrer com problemas como a falta de espaço em companhias aéreas e nos armadores. Houve uma alta de custo significativo na parte internacional”, salientou. O executivo lembrou que o mercado interno está muito aquecido e deve aumentar a participação nos negócios do setor.

O diretor da Associação Brasileira das Empresas de Transporte Internacional (Abreti), José Matheus, afirmou que o fluxo de mercadorias até agora continua o mesmo verificado antes da crise econômica. “Um navio da China demora 40 dias para chegar até o Brasil. O volume de importações aumentou muito nestes últimos anos com o dólar baixo”, disse. O executivo salientou que “o mercado deve passar no próximo ano por um ajuste.” “O ano que vem só Deus sabe como será”, afirmou Matheus. Ele apostou que irá melhorar para alguns setores econômicos como têxtil e de calçados. “A tendência é de que o dólar fique em um patamar de R$ 2,00.”

Balança

Dados da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero) mostram que de janeiro a setembro o movimento de cargas (importação e exportação) somou 187.312 toneladas. O total acumulado foi 9,03% superior ao mesmo período de 2007, quando a chegada e saída de cargas foi de 171.788 toneladas. A estatal informou que as importações foram de 114.807 toneladas e as exportações de 72.505 toneladas. A balança comercial do País entre o primeiro mês do ano e o nono mostra que a corrente de comércio foi de US$ 282,082 bilhões (FOB - frete não incluso no custo da mercadoria). O saldo ficou 36,53% menor do que em 2007.
O Scala será realizado no Royal Palm Plaza Resort até amanhã. A abertura será hoje às 13h15.

Adriana Leite
DA AGÊNCIA ANHANGÜERA
aleite@rac.com.br

ABRETI - Associação Brasileira das Empresas de Transporte Internacional - 2005 - Todos os direitos reservados